Carregando

Arigó é a última esperança (#2)

Claudia Andujar1967

Instituto Moreira Salles

Instituto Moreira Salles

“Alguns o consideram um impostor. Estudiosos tentam explicá-lo cientificamente. Religiosos dizem apenas: é a fé que o faz curar. Para os que já foram a Congonhas do Campo, Minas Gerais, tratar-se com ele, e para os que acreditam em seu poder de curar, Arigó é a última esperança.” (reportagem publicada em junho de 1967, com texto de Roberto Freire)

Em março de 1967, Claudia viajou a Congonhas do Campo, Minas Gerais, para acompanhar as atividades de José Pedro de Freitas, conhecido como Zé Arigó. Gente de todo o país e de nações vizinhas acorria ao médium-curandeiro para tratar males diversos, em consultas que não chegavam a durar 60 segundos. Sem formação médica, Arigó ganhou as manchetes com as cirurgias em que enfiava uma faca entre a pálpebra e o globo ocular do paciente, procedimento registrado por Claudia de maneira cinematográfica.

Mostrar menosMais informações

Detalhes

  • Título: Arigó é a última esperança (#2)
  • Criador: Claudia Andujar
  • Data de criação: 1967
  • Local: Congonhas do Campo, MG
  • Dimensões físicas: 73 x 110 cm
  • Palavras-chave do assunto: religião, religion, fotojornalismo, photojournalism
  • Tipo: Fotografia
  • Direitos: Instituto Moreira Salles
  • Meio: São Paulo

Recomendado

Traduzir com o Google
Página inicial
Explorar
Por perto
Perfil