A carregar

Cofre

Autor desconhecidoSéculo XVI

Museu Nacional Grão Vasco

Museu Nacional Grão Vasco
Viseu, Portugal

A raridade e exuberância decorativa da madrepérola, utilizada nos mais diversos tipos de objetos produzidos especialmente no Guzarate, Índia, foram alvo da cobiça dos colecionadores europeus. Neste cofre indo-português as placas de madrepérola, de morfologia polilobada e retangular, configuram uma tipologia rara. Já que o formato ovalado do cofre substitui o paralelepipédico. Para acentuar o requinte da peça, o cobre dourado das ferragens e dos pés associa-se aos brilhos nacarados da madrepérola, em tonalidades rosa e verde.
Esta exótica peça quinhentista, para além de mais-valias próprias, provavelmente foi também utilizada como relicário, à semelhança de outras com idêntica dimensão e decoração, uma vez que a iconografia, inscrita ao nível das ferragens, remete para práticas do culto cristão.

Mostrar menosLer mais
  • Título: Cofre
  • Criador: Autor desconhecido
  • Data de Criação: Século XVI
  • Localização física: Museu Nacional Grão Vasco, Viseu, Portugal
  • Dimensões físicas: 18.5 cm x 21 cm x 21.11 cm
  • Proveniência: Indo-Portuguese
  • Tipo: Mobiliário
  • Direitos: © DGPC/ADF/Fotógrafo:Alexandra Pessoa, 2016
  • Material: Madrepérola e ferragens em cobre

Recomendado

Página Inicial
Explorar
Próximo
Perfil