Carregando

Traje Majestático - Coroa Traje Majestático - Coroa

Carlos Marin1841-07-08/1841-07-08

Museu Imperial

Museu Imperial

Coroa em ouro amarelo e verde cinzelado. Cinta larga em forma ovalada, tendo, no bordo inferior, dois frisos em forma de folhas de louro. Entre os frisos, fio de pérolas cultivadas. Na parte superior, festão se 16 pontas e, abaixo deste, outro friso idêntico ao da base. Abaixo de cada ponta do festão, um solitário montado em prata. Na mesma direção das pontas da cinta, chuveiros formados por brilhantes, sendo que, no eixo principal da coroa, o chuveiro é formado por pedra maior de formato retangular circundado por pedras menores. Cada chuveiro é circundado pelo mesmo friso de folhas de louro que circundam a cinta. Nas pontas dos festões, dispostos alternadamente, triófilos em ouro verde arrematados por laço e, em cada uma, roseta formada por brilhantes de diferentes tamanhos. De cada uma dessas composições, sobe haste com as seguintes características: ouro polido em forma de gomos e, nas extremidades, friso de folhas de louro; no centro de cada haste, fio de brilhantes montados em prata. Na parte superior da coroa, globo de ouro polido; é cintada por guarnição cinzelada e recortada, cravejada por brilhantes, da qual se eleva semicírculo montado de forma idêntica. Como suporte da esfera, florão de ouro cinzelado. No topo do círculo, cruz de Cristo cravejada de brilhantes. Forro original de veludo verde-escuro com acolchoado de cetim branco.

Coroa em ouro amarelo e verde cinzelado. Cinta larga em forma ovalada, tendo, no bordo inferior, dois frisos em forma de folhas de louro. Entre os frisos, fio de pérolas cultivadas. Na parte superior, festão se 16 pontas e, abaixo deste, outro friso idêntico ao da base. Abaixo de cada ponta do festão, um solitário montado em prata. Na mesma direção das pontas da cinta, chuveiros formados por brilhantes, sendo que, no eixo principal da coroa, o chuveiro é formado por pedra maior de formato retangular circundado por pedras menores. Cada chuveiro é circundado pelo mesmo friso de folhas de louro que circundam a cinta. Nas pontas dos festões, dispostos alternadamente, triófilos em ouro verde arrematados por laço e, em cada uma, roseta formada por brilhantes de diferentes tamanhos. De cada uma dessas composições, sobe haste com as seguintes características: ouro polido em forma de gomos e, nas extremidades, friso de folhas de louro; no centro de cada haste, fio de brilhantes montados em prata. Na parte superior da coroa, globo de ouro polido; é cintada por guarnição cinzelada e recortada, cravejada por brilhantes, da qual se eleva semicírculo montado de forma idêntica. Como suporte da esfera, florão de ouro cinzelado. No topo do círculo, cruz de Cristo cravejada de brilhantes. Forro original de veludo verde-escuro com acolchoado de cetim branco.

Mostrar menosMais informações
  • Título: Traje Majestático - Coroa Traje Majestático - Coroa
  • Criador: Carlos Marin, Carlos Marin
  • Fabricante: O ourives Carlos Marin era estabelecido à Rua do Ouvidor, centro da Cidade do Rio de Janeiro, onde chegou com 28 anos em 1936. Além da Coroa, lhe foi encomendado para a coroação as seguintes insgnias: o Globo Imperial, o Anel da Sagração de D. Pedro II, a espada da Ordem do Cruzeiro; além disso talheres de prata dourada, serviço de prata para almoço e outros tipos de joias. A partir de 04 de setembro de 1840 passou a possuir um alvará que o permitiu intitular-se "Ourives de Sua Alteza Imperial" com licença para colocar as Armas Iperiais e sua legenda, na frente do seu estabelecimento., O ourives Carlos Marin era estabelecido à Rua do Ouvidor, centro da Cidade do Rio de Janeiro, onde chegou com 28 anos em 1936. Além da Coroa, lhe foi encomendado para a coroação as seguintes insgnias: o Globo Imperial, o Anel da Sagração de D. Pedro II, a espada da Ordem do Cruzeiro; além disso talheres de prata dourada, serviço de prata para almoço e outros tipos de joias. A partir de 04 de setembro de 1840 passou a possuir um alvará que o permitiu intitular-se "Ourives de Sua Alteza Imperial" com licença para colocar as Armas Iperiais e sua legenda, na frente do seu estabelecimento.
  • Data de criação: 1841-07-08/1841-07-08, 1841-07-08/1841-07-08
  • Local de criação: Brazil, Brazil
  • Dimensões físicas: 32 x 87 cm, 32 x 87 cm
  • Procedência: Para a confecção das insígnias de d. Pedro II foram desmanchadas diversas joias de família, devidamente documentadas nos inventários do Arquivo da Mordomia. Para a coroa, também foram aproveitados os brilhantes da coroa de d. Pedro I e um fio de pérolas, herança paterna de d. Pedro II., Para a confecção das insígnias de d. Pedro II foram desmanchadas diversas joias de família, devidamente documentadas nos inventários do Arquivo da Mordomia. Para a coroa, também foram aproveitados os brilhantes da coroa de d. Pedro I e um fio de pérolas, herança paterna de d. Pedro II.
  • Tipo: Crown, Crown
  • Direitos: Museu Imperial/Ibram/Minc, Museu Imperial/Ibram/Minc
  • Meio: Ouro, prata, brilhantes, pérolas, veludo e cetim, Ouro, prata, brilhantes, pérolas, veludo e cetim
  • Bibliographic References: REGISTRO DE ESTRANGEIROS, 1831 do Ministério da Justiça e Negócios Interiores. Arquivo Nacional, Rio de Janeiro 1962, p. 15, REGISTRO DE ESTRANGEIROS, 1831 do Ministério da Justiça e Negócios Interiores. Arquivo Nacional, Rio de Janeiro 1962, p. 15

Itens adicionais

Recomendado

Página inicial
Explorar
Por perto
Perfil