Economia do gotejamento

A economia do gotejamento ou teoria do gotejamento é um conceito utilizado para caracterizar as políticas económicas que favorecem os ricos ou privilegiados. Portanto, não é uma definição dada por economistas, sendo de uso quase exclusivo dos críticos de políticas que existem sob outros nomes. O conceito está geralmente associado às críticas ao capitalismo laissez-faire, mais especificamente, à economia pelo lado da oferta.
É um conceito originário da política norte-americana, cuja cunhagem tem sido atribuída ao humorista Will Rogers, que terá dito, durante a Grande Depressão, que "o dinheiro foi todo apropriado pelo topo na esperança de que iria gotejar para os necessitados".
Mostrar menosMais informações
Wikipédia
Google Apps