ADIVINHAÇÃO

The British Library

A capacidade de prever o futuro tem uma longa história e é umas das artes mágicas mais complicadas para se aperfeiçoar. Ao longo dos séculos, as pessoas têm praticado a Adivinhação usando vários métodos estranhos e maravilhosos. Algumas tentativas de Adivinhação são francamente absurdas. De acordo com The Old Egyptian Fortune-Teller’s Last Legacy, por exemplo, "uma verruga na nádega indica honra para um homem e riquezas para uma mulher".

"Então vocês optaram por estudar Adivinhação, a mais difícil das artes mágicas."
Professora Trelawney em <i>Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaba</i>

Um osso oracular chinê
Este osso de aparência humilde é o item mais antigo datado com exatidão em Harry Potter: A History of Magic. Na parte da frente, os adivinhos observaram que nada de grande significado aconteceria no futuro imediato. No lado oposto, está um registro de um eclipse lunar visível em Anyang, China, no dia 27 de dezembro de 1192 a.C. Os ossos oraculares são conhecidos historicamente como "ossos de dragão", enfatizando suas qualidades mágicas.

A profetisa de Yorkshire
Pouco se sabe sobre a Mãe Shipton, também conhecida como a "Profetisa de Yorkshire", e não sabemos nem mesmo se ela existiu. Sua profecia mais famosa foi feita em 1530: ela previu que o Cardeal Wolsey, o novo arcebispo de York, veria a cidade de longe, mas nunca chegaria até ela. O que é verdade, já que Wolsey foi preso ao chegar a York e morreu logo depois.

Ela era supostamente muito feia e aparentemente podia levitar.

Esclarecendo o futuro, um bom guia para todos os métodos básicos de adivinhação do futuro, quiromancia, bolas de cristal, tripas de aves…'"
Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban

Sorte no amor?
Ao buscar por amor, vale a pena ter em mente que, de acordo com este manuscrito, um casal de temperamento ardente tem uma melhor chance de viver feliz junto do que um homem diabólico e uma mulher angelical. Na Tailândia do século XIX, as pessoas consultavam um especialista em adivinhação (mor doo) para falar sobre questões amorosas e de relacionamentos.

Esses desenhos mostram os animais do zodíaco chinês, que teriam sido usados para criar horóscopos.

Espelho de Scrying de uma bruxa
A antiga dona desse espelho, a bruxa Cecil Williamson, avisou que se você olhar fixamente para ele "e de repente vir alguém atrás de si, o que quer que você faça, não vire".

A adivinhação com um espelho ou outra superfície reflexiva é uma prática conhecida como scrying, em inglês. O termo origina-se da palavra "descry", que significa "avistar".

Bolas de cristal

Cristalomancia
John Melville escreveu este guia famoso no século XIX, época em que o interesse pela cristalomancia estava em alta. Ele recomendou tomar "uma infusão da erva Artemisia vulgaris L ou de chicória", que, "se tomada ocasionalmente durante o aumento da Lua, constituiria um auxílio para conseguir as condições físicas mais desejáveis para o corpo do experimentador". Não está claro o quanto as instruções de Melville ajudavam aqueles não dotados da clarividência.

Nelly Fedorenta
"Nelly Fedorenta", a bruxa de Paignton que era dona desta bola de cristal, recebeu esse nome devido à preferência dela por perfumes fortes. Ela acreditava que a fragrância atraía os espíritos que a ajudavam a ler o futuro. Uma testemunha relatou o seguinte: "Você podia sentir o cheiro dela a quilômetros de distância a favor do vento… estar ao ar livre com uma lua cheia, Nelly Fedorenta e os cristais dela era uma experiência e tanto". Conhecido como um cristal lunar, o globo negro deve ser consultado à noite para que o vidente possa ler o reflexo da lua no vidro.

Leitura das mãos

Uma mão de estudos de quiromancia
A quiromancia exige que o adivinho interprete a forma e as linhas da mão. Esta mão de cerâmica de estudos de quiromancia mostra as linhas e os montes significativos da palma e do pulso. Mãos como esta foram fabricadas pela primeira vez para fins educativos na Grã-Bretanha da década de 1880. Um quiromante famoso dessa época foi William John Warner, também conhecido como Cheiro, que supostamente previu eventos como o naufrágio do Titanic.

O destino nas suas mãos
Este manuscrito de 700 anos de idade contém uma coleção de profecias e guias para ler a sorte. Aqui você pode ver a seção que explica a quiromancia. Na mão direita, uma linha vertical atravessando a palma informa que "esta linha representa o amor". Uma linha vertical que passa entre o dedo do meio e o indicador tem um significado menos favorável: "Esta linha significa um banho de sangue; se a linha chegar ao meio do dedo, ela significará uma morte repentina". Outras linhas preveem doenças e atributos incluindo coragem e humildade.

Adivinhação do Egito antigo
Supostamente uma coleção de técnicas de adivinhação egípcias, este folheto foi compilado por um escritor britânico anônimo. Embora a orientação seja duvidosa, ele inclui um conselho sábio para o próprio Harry Potter: se você sonhar que está "lutando contra serpentes e as destruindo", você alcançará a "vitória sobre os inimigos". Além da quiromancia, ele explica como prever o futuro interpretando as verrugas no corpo: por exemplo, "uma verruga na nádega indica honra para um homem e riquezas para uma mulher".

Leitura de folhas de chá

"Muitas coisas curiosas posso ver"
Tasseomancia, do francês tasse (xícara) e do grego manteia (adivinhação), é uma forma de adivinhação que interpreta o sedimento deixado em xícaras de chá. Os primeiros relatos europeus desse método de adivinhação apareceram no século XVII, após a introdução do chá da China.

Esta xícara foi feita na Inglaterra, na década de 1930. Dentro dela há símbolos para ajudar a interpretar as folhas, e esta legenda está gravada na borda: "Muitas coisas curiosas posso ver ao ler a sorte no chá".

Um guia prático para a leitura de folhas de chá
Este manual detalhado sobre adivinhação com folhas de chá, escrito por "um vidente das Terras Altas", apresenta conselhos sobre o tamanho e a forma ideais da xícara e o tipo de chá que deve ser usado. Em O Prisioneiro de Azkaban, a Professora Trelawney disse a Harry que a presença do "Sinistro" (um cachorro grande) na xícara dele significava a morte. Neste livro, em contrapartida, a aparição de um cachorro em direção à parte superior da xícara é tida como um sinal favorável, denotando um amigo fiel.

Formas e significados esclarecidos
Este folheto documenta a Adivinhação com folhas de chá no ano 229 a.C., quando o método foi supostamente adotado por uma princesa chinesa. Ele fornece um guia útil para decodificar as formas criadas pelas folhas na xícara.

Algumas dessas formas são extraordinariamente difíceis de diferenciar, como os números 38 e 42, "Você conhecerá um estranho" e "Você fará um inimigo". Outras previsões são bizarramente específicas: o número 44 indica: "Você se interessará pela marinha".

Créditos: todos os meios
Em alguns casos, é possível que a história em destaque tenha sido criada por terceiros independentes, podendo nem sempre refletir as visões das instituições, listadas abaixo, que forneceram o conteúdo.
Traduzir com o Google
Página Inicial
Explorar
Próximo
Perfil