Contornos da música carioca

Instituto Elifas Andreato

Martinho da vila

“Elifas não é aquele profissional frio que mede cada gosto com uma calculadora de bolso. Ele está lá, jogando bola com os artistas, batendo uma sinuquinha, dividindo uma cerva, num abraço fraterno”, afirma o critico Tárik de Souza. “A capa e o encarte, os cartazes e, mais adiante, a própria produção e até algumas canções dão o testemunho de um artista que se envolve por inteiro com a música.”

Créditos: história

Instituto Elifas Andreato, 2016.

Créditos: todas as mídias
Em alguns casos, é possível que a história em destaque tenha sido criada por terceiros independentes. Portanto, ela pode não representar as visões das instituições, listadas abaixo, que forneceram o conteúdo.
Traduzir com o Google
Página inicial
Explorar
Por perto
Perfil