27 de abr de 2017 - 20 de ago de 2017

Irmãos Campana

Museu Oscar Niemeyer

Museu Oscar Niemeyer

"O tema da sustentabilidade ambiental e o reaproveitamento e emprego de materiais reciclados parecem permear a sociedade, hoje, em âmbitos diversos. Uma tendência que talvez nos leve a esquecer que não são apenas os materiais que fazem a diferença, mas também a capacidade de se pensar sobre eles e de deles fazer uso numa forma completamente nova, transformando sua utilização, seu escopo e sua própria razão de ser. As criações dos irmãos Humberto e Fernando carregam a força de uma criatividade radiante que resgata a questão do desperdício da produção em massa, que redescobre o valor da normalidade, sem esquecer que um objeto deve ser confortável e também útil. Uma criatividade que já é, portanto, um estilo de pensamento, manifestando processos mentais de planejamento que levam a criações únicas em design e em materiais, tão originais quanto eficazes em sua utilização." Nadia Calzolari
"Em uma entrevista recente com os Irmãos Campana um diz sobre o outro: ele é meu inconsciente. Imediatamente o outro reponde: ele é uma caixa de surpresas. Ambos falam do mesmo. Ambos declaram a capacidade de viverem, há mais de trinta anos, uma parceria que se organiza numa comunicação mútua, nem sempre verbal, ou seja, uma comunicação entre ambos os Inconscientes, um fenômeno também já observado por Freud no século passado. E eles se surpreendem com o que se deparam, um com o outro, um no outro, quando se confrontam com seus conteúdos constitutivos." José Luiz Tavares
For over thirty years, Humberto e Fernando have presented themselves and their work as “uncomfortable”, with unique pieces that would make us feel uncomfortable and -at the same time- being able to promote a high level of seduction more through their transgressive aesthetics than through ergonomics per se. Since then they have been characterized by originality, diversity, multiplicity of materials, profusion of colors, fragments and reflexes. They walk on deconstruction, recreate waste, create a debate and indicate the way to a permanence that is absolutely unstable due to the accelerated rhythm of their production. José Luiz Tavares
Design
Créditos: história

Irmãos Campana
Realização Museu Oscar Niemeyer
Curadoria: Consuelo Cornelsen
Salão Principal "olho"

Créditos: todas as mídias
Em alguns casos, é possível que a história em destaque tenha sido criada por terceiros independentes. Portanto, ela pode não representar as visões das instituições, listadas abaixo, que forneceram o conteúdo.
Traduzir com o Google
Página inicial
Explorar
Por perto
Perfil