sentimentos

"Ninguém é igual a ninguém. Todo o ser humano é um estranho ímpar." (Carlos Drummond de Andrade). Assim como os seres humanos, as obras de arte não são iguais e os sentimentos transmitidos pelas mesmas também não. Dessa forma, podemos observar sentimentos diversos em uma mesma obra, basta olhar com criticidade e atenção.

Credits: All media
This user gallery has been created by an independent third party and may not always represent the views of the institutions, listed below, who have supplied the content.
Translate with Google
Home
Explore
Nearby
Profile