Os Direitos Humanos como arte - Obras em papel de Otávio Roth

Otávio Roth e o Dr. Kurt Waldheim na vernissage de "A Declaração Universal dos Direitos Humanos" (1981-12-08) by Autor desconhecidoInstituto Vladimir Herzog

APRESENTAÇÃO

A Declaração Universal dos Direitos Humanos (1948) foi a resposta da comunidade internacional às atrocidades cometidas durante a Segunda Guerra Mundial. Muito além de uma posição sobre o passado, o documento enuncia princípios morais universais, que transcendem o campo do direito e nos inspiram na busca por um futuro com dignidade para todos.

No momento em que o mundo enfrenta a maior crise sanitária dos últimos cem anos, marcada pela perda de vidas humanas, pela acentuação das desigualdades, da exclusão socioeconômica e da discriminação em suas diversas formas, celebramos o aniversário da Declaração com a certeza de que os direitos humanos são o horizonte incontornável do século XXI.

Apenas com medidas firmes de combate às violações de direitos - e com o fortalecimento do espírito de solidariedade e do exercício do diálogo - conseguiremos reconstruir um mundo pós-COVID-19 mais resiliente, justo, e sustentável - para nós e para as gerações porvir.

O dia 10 de dezembro é uma oportunidade para reafirmar a importância dos direitos humanos na reconstrução do mundo que queremos e a necessidade de solidariedade global, bem como nossa interconexão e humanidade compartilhada como seres humanos.

É sob esse entendimento, que o Acervo Otávio Roth e o Instituto Vladimir Herzog se unem, com o apoio do Consulado Geral do Canadá em São Paulo, para lançar a exposição “Os direitos humanos como arte - Obras em papel de Otávio Roth”, apresentando de maneira acessível e sensível o olhar do artista sobre a Carta.

Artista multimídia, Roth percebeu ainda jovem que os direitos humanos eram a síntese das mais nobres aspirações da humanidade. O engajamento político e a preocupação em proporcionar às pessoas espaço de expressão e diálogo, inspiraram a concepção de instalações de arte participativa no início dos anos 1980.

Roth acreditava que a cultura deveria se dirigir a todos, ser emanada da expressão de todos. Essa visão, presente em toda sua obra, pode ser aqui percebida pelo seu compromisso em ampliar o acesso à Declaração, transformando o conteúdo dos artigos em obras gráficas, que convidam à leitura um público plural.

Pouco a pouco seu trabalho surte efeito, possibilitando que os direitos humanos fortaleçam-se como denominador comum dos anseios dos mais diferentes indivíduos. É, pois, a partir do conteúdo da Declaração Universal dos Direitos Humanos e da forma generosa e aberta proposta por Roth, que manifestamos nossos sinceros votos em favor de um futuro mais acolhedor e justo, para todas as pessoas, em todos os lugares.

Exposição "Para Respirar Liberdade" - Sesc Bom Retiro (2018) by Isabel Lorch RothInstituto Vladimir Herzog

OS DIREITOS HUMANOS NO BRASIL HOJE

Rogério Sottili, diretor executivo do Instituto Vladimir Herzog

Ao promover esta exposição, o Instituto Vladimir Herzog (IVH) celebra o 72º aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos (DUDH) e reafirma sua posição de luta por meio do diálogo e da valorização da cultura brasileira. Acreditamos que a arte tem a potência de sensibilizar para o exercício da cidadania, sendo o próprio acesso à cultura um direito humano. Nas últimas décadas, o Brasil conquistou direitos fundamentais que contemplavam cada vez mais os princípios pautados pela DUDH, da qual nosso país é signatário.

No entendimento do IVH, no entanto, nossa democracia vive hoje um processo que rompe com estas conquistas por meio do acirramento da violência, das ameaças à liberdade de expressão, da apologia a torturadores, da criminalização dos movimentos sociais e da ascensão dos discursos de ódio. É um desafio imposto e ao qual nos cabe, como sociedade civil organizada, resistir, avançando pela garantia dos direitos humanos.

É para defender e ressignificar tais direitos que compartilhamos em nosso perfil da plataforma Arts&Culture este conteúdo artístico e educativo inédito que dissemina de forma sensível a importância dos artigos da Declaração. Esta série em pulp painting do artista plástico Otávio Roth é capaz de inspirar o entendimento do conteúdo precioso da DUDH em públicos de todas as idades - e agora pode ser vista por indivíduos ao redor de todo o globo. Esta exposição é, portanto, também uma forma de mobilização para que nos encaminhemos cada vez mais ao compasso da democracia, onde os direitos humanos são o norte para o qual miramos.

O IVH agradece a parceria de longa data com o Acervo Otávio Roth, que tem se dedicado com louvor a levar para o mundo o renomado trabalho deste artista brasileiro como forma de promover o debate sobre os direitos humanos. Agradecemos publicamente também a histórica saudação da Alta Comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Michelle Bachelet, na abertura desta exposição, um célebre marco para todos e todas que lutam pelos direitos humanos no Brasil. E por fim, agradecemos ao Google pelo constante apoio à nossa missão, disponibilizando canais determinantes para que possamos refletir sobre os direitos humanos no mundo.

Essa mostra é, assim, um convite do IVH a refletirmos coletivamente sobre os ciclos de violências históricas de nosso país e a nos posicionarmos em direção a uma cultura de paz. É um convite também para lembrarmos do nosso compromisso com os valores democráticos, para reafirmarmos nossa luta incansável perante a injustiça e para nos mobilizarmos pela contínua defesa dos direitos humanos estabelecidos na Declaração.

Artigo 1 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Para saber mais sobre a história e importância da Declaração, clique na miniatura da obra no canto esquerdo da tela e acesse informações sobre cada um dos artigos.

Artigo 2 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

E clique também na miniatura da imagem para acessar a descrição acessível de cada obra.

Artigo 3 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Artigo 4 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more
Artigo 5 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more

As obras foram produzidas em pulp painting e guache. Pulp painting é uma técnica na qual os desenhos são criados durante a confecção do papel, com polpas de papel pigmentadas. Ou seja, os desenhos não foram feitos sobre o papel, mas o compõe.

Artigo 6 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more

Artigo 7 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Artigo 8 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Artigo 9 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more
Artigo 10 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more
Artigo 11 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more

Artigo 12 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Artigo 13 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Roth criou ícones que dialogam com o texto. São elementos gráficos que trazem leveza, ao mesmo tempo em que reforçam a essência de cada artigo. Segundo o artista, “além das palavras, impunha-se a necessidade de imagens que melhor ajudassem a divulgar e memorizar o conteúdo (da Carta)”.

Artigo 14 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Artigo 15 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more
Artigo 16 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more
Artigo 17 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more

Artigo 18 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Artigo 19 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more

Segundo Roth, a Declaração “pega a totalidade dos conceitos que definem um ser humano e aponta a verdadeira função do Estado...

Artigo 20 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more

...A Declaração está além do bem e do mal, cabe para a sustentação de qualquer ideologia política sem cair na armadilha de nenhuma delas. As ideologias são sempre menores que os direitos humanos” (Otávio Roth, em entrevista à Angélica de Moraes, ago/1984).

Artigo 21 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Artigo 22 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more
Artigo 23 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more

Artigo 24 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Artigo 25 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Artigo 26 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Artigo 27 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português) (1984) by Otávio RothInstituto Vladimir Herzog

Roth produziu séries artísticas sobre o conteúdo da Declaração em diferentes idiomas e técnicas. Acesse nosso perfil do Arts&Culture para ver a mostra “A Declaração Universal dos Direitos Humanos por Otávio Roth”, com a série dos artigos em inglês (técnica xilogravura).

Artigo 28 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more
Artigo 29 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more
Artigo 30 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos (série em português), Otávio Roth, 1984, From the collection of: Instituto Vladimir Herzog
Show lessRead more
Credits: Story

Exposição “A Declaração Universal dos Direitos Humanos por Otávio Roth”

Curadoria - Fábio Magalhães e Isabel Roth
Pesquisa de conteúdo - Isabel Roth e Luciana Bruno
Produção e adaptação - Carolina Vilaverde
Digitalização das obras - Fábio Praça
Tratamento de imagens - Adriano Sobral
Comunicação - Carolina Vilaverde, Cristina Fernandes e Isabel Roth

REALIZAÇÃO

Acervo Otávio Roth
Ana Roth - Diretora Executiva
Isabel Roth - Curadora
Denise Lorch - Museóloga
Maria Helena Webster - Consultora

Instituto Vladimir Herzog
Clarice Herzog - Presidente
Ivo Herzog - Presidente do Conselho Deliberativo
Rogério Sottili - Diretor Executivo
Isabel Rodrigues - Assessora da Diretoria Executiva

Carolina Vilaverde - Coordenadora do projeto "72 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos"

Ana Rosa Abreu - Coordenadora de Educação em Direitos Humanos
Giuliano Galli - Coordenador de Jornalismo e Liberdade de Expressão
Lucas Paolo Vilalta - Coordenador de Memória, Verdade e Justiça

Cristina Fernandes de Souza - Coordenadora de Comunicação
Sandra Faé - Coordenadora Administrativo-Financeira


______________________________________________

Agradecimentos especiais

Michelle Bachelet, Alta-Comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos

Bernardo Lorga, Camila Cury, Carmen Dominguez, Cecilia Canessa, Daniel Arbix, Danilo Miranda, Fábio Saraiva Teles, Flavia Muraro Teles, Fernanda Faya, Guilherme Sanchez, Irene del Pilar Sandoval, Juliana Barreto, Juliana Braga, Juliana Nolasco, Laura Gelbert, Maria Helena Webster, Pedro Vilaverde Junior (in memoriam), Thiago Carrapatoso e Sesc SP.

Credits: All media
The story featured may in some cases have been created by an independent third party and may not always represent the views of the institutions, listed below, who have supplied the content.
Google apps